Investir em anúncios nas férias é um mau negócio. Tem certeza?

Investir em anúncios nas férias é um mau negócio. Tem certeza?

Anunciar nas férias não é mais uma furada. Quem diz isso é o próprio Facebook. Nesse período, muitas pessoas deixam o computador em casa e querem esquecer o mundo digital. Mas, uma pesquisa oficial realizada com brasileiros que possuem conta na rede social constatou que 92% deles entram todos os dias durante as férias através de smartphones e tablets.

E qual é a vantagem?

Após investir pesado em datas como Black Friday e Natal, muitos anunciantes não investem nessa época, o que torna o mercado menos competitivo e com custos mais acessíveis. É uma excelente oportunidade para sair na frente no começo do ano. Para o Facebook, está certo que, janeiro é o melhor mês para anúncios de dispositivos móveis. Mas para isso é preciso alguns cuidados. Confira as dicas:

  • Se o seu site não tiver adaptado para dispositivos móveis, certamente, você perderá dinheiro. É essencial dar ao cliente uma visão confortável da sua página na web ao acessá-la de um celular ou tablet.
  • Pode ser aproveitada uma segmentação para pessoas que tenham acessado a rede social, há pouco tempo, de novos dispositivos. Isso é um fator relevante porque a venda de smartphones cresceu 25% no final do ano passado.
  • Alcançar dispositivos específicos é uma boa opção também, isso é possível na categoria “Comportamento” que o Facebook oferece. Uma das principais dicas, se não a principal, é fazer anúncios diferentes, deixar seu anúncio contextualizado com a época do ano e um público-alvo.

Após ler esse artigo pare e analise. Afinal, anunciar em janeiro pode ser um ótimo negócio.

Comentários

comentários